Endodontia


O tratamento endodôntico (canal) antigamente era considerado um momento de muito desconforto para o paciente, com consultas demoradas e em várias sessões. Hoje em dia, com o avanço da tecnologia este tratamento vem sendo realizado de forma mais rápida e confortável para o paciente.
Em nosso consultório, a maioria dos casos são resolvidos em uma única sessão, quebrando aquela expectativa negativa que o paciente tinha.

Veja o Vídeo Abaixo

Este tratamento pode ser indicado por vários motivos:
Podemos tratar, devido a polpa (nervo) do dente estar inflamada de forma irreversível – paciente apresenta dor espontânea ou com ingestão de alimentos quentes, frios, ácidos, que não diminuem com uso de medicação analgésica.

Nos casos de necrose do nervo com sinais e sintomas característicos( inchaço da região, dor, desconforto sem parar) e também nos casos em que não há dor, mas temos uma lesão periápical diagnosticada pela radiografia.

Indicação Protética – dentes envolvidos (pilares) em uma ponte-fixa, mesmo que hígidos, na maioria dos casos temos que tratá-los de forma endodôntica.

Importante salientar que nem todo dente que dói, precisa de tratamento de canal. Em muitos casos a simples remoção da causa (cáries, exposição do colo do dente), elimina a dor.